Pará Musical
Publicidade texto
Notícias  

Música na Rede é Peixe

Show de Pedrinho Callado na Black Soul Samba traz ritmos paraenses, como o carimbó, mesclado ao brega e ao rock

Por Luciana Medeiros Foto: Bruno Pellerin
Pedrinho Callado, um pesquisador de ritmos

O cantor e violonista Pedrinho Callado toca na próxima sexta-feira, 14, na festa Black Soul Samba. Ele vai mostrar ao público o melhor do seu trabalho autoral, incluindo músicas inéditas de seu mais novo CD “Música na Rede é Peixe”. Inédito, o trabalho está em fase de pré-produção e deve ser lançado até o final deste ano.

Pedrinho Callado, que desponta na música popular paraense desde o final dos anos 1980, é também um pesquisador dos ritmos do Pará. Compositor, arranjador, músico e ativista cultural, tem formação em arranjo, composição e música e possui dezenas de composições gravadas por cantores como Lucinha Bastos, Simone Almeida, Alba Maria e Olivar Barreto. Em outros CDs já lançados traz parcerias com Marco André, Vital Lima, Any Lima (Alemanha), Lula Barbosa e músicos de outros estados.

Entre as novas composições, o autor vai mostrar “Jesuscristinho do Marambiré” e “Música Na Rede é Peixe”, que dá nome ao disco, além de músicas de outros CDS, como “Oferenda nos Quintais”, “Sairé”, “Lapidar” e “Carimbózinho”. A grande novidade, porém, será “Casambada”, mistura de samba e guitarrada, e o grande lançamento da noite, o rockbrega “Você me olha, eu olho pra você”, que integram o novo CD ainda.

Mas tem muito mais. A maturidade tanto como compositor, músico, arranjador e pesquisador faz com que Pedrinho traga em seus shows muito da sonoridade do Pará, mas não traz rótulos. Passeia por ritmos como marambiré, guitarrada, além gêneros muito mais comuns, mas com seu jeito e seu sotaque particularizado e com as nuances de sua pesquisa de etnomúsica, ele está atento a tudo que se produz no mundo. No show de sexta, não ficará de fora, por exemplo, o carimbó urbano, um de seus discursos musicais mais evidentes.

Para reforçar tudo e deixar a festa mais quente neste mês de setembro, a banda é um espetáculo à parte. Traz MG Calibre no contrabaixo, Ziza Padilha na Guitarra e Paturi na percussão, além de Messias Leite na bateria, Natália Matos e Carol Pastana nos vocais. Os Djs da Black também comandam a noite. Eddie Pereira, Homero da Curica, Uirá Seidl, Kauê Almeida e Fernando Wanzeler também vão contribuir para a festa ser Inesquecível.

PLAYER - Escute “Você me olha, eu olho pra você” clicando no player abaixo e veja o perfil de Pedrinho Callado no Pará Música, clicando AQUI.

SERVIÇO:

Pedrinho Callado e banda na Black Soul Samba.

Quando: Sexta, 14 de setembro de 2012

A partir das 21h.

Quanto: R$ 10 – com meia-entrada para estudantes

Onde: No bar Palafita – Rua Siqueira Mendes, ao lado do Píer das 11 Janelas, na Cidade Velha. Saiba mais: www.blacksoulsamba.blogspot.com.

Fan Page: www.facebook.com/BlackSoulSamba.

Twitter: @blacksoulsamba.

Escute a Black na rádio: Toda quarta, 21h, na Unama FM – 105,5. Reprise aos sábados, 22h.

12 de setembro, 2012 - 19h26
Nome
E-mail
Mensagem

Comentários (0):

Nenhum comentário publicado.

contato@paramusica.com.br

Escreva-nos!

Mensagem